Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

ANUNCIANTES

Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada
Eduardo Macedo

CONSUMO DE AR EM VOLUME NAS ARMAS PCP

Posts Recomendados

CONSUMO DE AR EM VOLUME NAS ARMAS PCP

Nos dois textos anteriores eu falei sobre o rendimento e o consumo de ar nas PCP, em bar. Neste texto, abordarei o consumo de ar em volume.

Todos devem se lembrar da fórmula ensinada no ensino médio (PV=nRT) que é equação da lei dos gases ideais.

Esta é a equação que usamos para calcular o volume do ar sob pressão num reservatório.

Sem discorrer sob a complexidade do problema, usarei os mesmos valores adotados nos textos anteriores.

Então temos:

V2 = (P1 * V1) / P2

Onde:

P1 = pressão do ar dentro do cilindro 
P2 = pressão atmosférica local (1 atm)
V1 = volume do cilindro 
V2 = volume do ar comprimido após a expansão

Exemplo para o cilindro de 75 cc (0,075 litro) com 150 bar e com 100 bar.

1 bar = 0,987 atm ou kg/cm2

Portanto, 150 bar = 148,04 atm e 100 bar = 98,7 atm

Cálculos:
Adotando a pressão máxima e a pressão remanescente dos exemplos anteriores.

Pressão máxima = 150 bar ou 148,04 kg/cm2

V2 = (148,04 kg/cm2 * 0,075 litros) / 1 kg/cm2
V2 = 11,1 litros

Pressão remanescente = 100 bar ou 98,7 kg/cm2

V2 = (98,7 kg/cm2 * 0,075 litros) / 1 kg/cm2
V2 = 7,4 litros

Volume consumido de ar = 11,1 litros - 7,4 litros = 3,7 litros

Considerando 40 tiros, o volume médio de ar EXPANDIDO consumido por tiro é obtido por:

Vt = 3,7 litros / 40 tiros
Vt = 0,0925 litros / tiro**

**Observe que o volume médio de ar expandido para cada tiro é 'numericamente' maior do que o volume do cilindro que armazena o ar comprimido. Obviamente isso ocorre porque o ar está comprimido a 150 ou 100 bar e o ar após a expansão tem pressão aproximada de apenas 1 bar.

Dividindo este valor pelo volume do cilindro, temos a pressão média por tiro.

Pressão média por tiro = 0,0925 litro / tiro * 1 kg/cm2 / 0,075 litros = 1,23 kg/cm2 por tiro.

A importância deste tipo de conhecimento se aplica aos atiradores que costumam tunar suas armas e também aos projetistas e fabricantes de componentes como válvulas, martelos e reguladores, pois, dizemos que a arma está perfeitamente tunada quando o ar da câmara de disparo gasta toda a sua energia até o chumbinho alcançar a saída do cano, e o ar dentro do cano já está expandido, de modo que a regulagem do sistema de disparo em relação ao fluxo de ar tem relação direta com o comprimento do cano da arma, que de acordo com o calibre, determina o volume de ar em seu interior.

Atire para acertar!

FONTE e Autorização FÓRUM CA: Nelson L. De Faria

image.png

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×