Jump to content

ANUNCIANTES

Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada

Cestênio

Members
  • Content Count

    33
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    1

Cestênio last won the day on March 2 2016

Cestênio had the most liked content!

Community Reputation

13 Bom

About Cestênio

  • Rank
    Novato
  • Birthday 04/21/1980
  • Age 39

Profile Information

  • Sua Localidade
    Recife/PE
  • Interesses
    Tiro esportivo
    Arco e flecha
    Aquarismo
  • Age 39

Recent Profile Visitors

148 profile views
  1. Já tem bastante papel por trás do coletor, mas infelizmente não foi o suficiente. Estou pensando em aplicar uma camada de chumbo derretido. Vai aumentar o peso mas não transporto o coletor com frequência.
  2. Tive uma recentemente, fiquei pouco tempo com ela porque tive a oportunidade de comprar uma fenix usada. Se for com o sistema SAS não vai ter problemas. venda somente no compra e venda, obrigado.
  3. O coletor já direciona bem os chumbos. Só preciso diminuir o ruído. Aqui não achei chumbo em fita e estou procurando chumbo em sucata porque está muito caro o quilo da chumbada para pesca aqui. Alguém sabe que objetos do dia a dia, que são descartados, que podem conter chumbo?
  4. Também recomendo as cometas. Adquiri uma fenix 4.5 e não me arrependo,mais potência do que isso só se for para tiros a mais de 70 metros, daí é melhor partir para pcp. Talvez seja por minha inexperiência, mas não entendo como atiradores amadores podem querer mais precisão do que as cometas dão . Pode ser por ansiedade ou o fato de ainda não ter encontrado o chumbo ideal.
  5. Gostei do trabalho! Principalmente a parte de fixação do alvo. Vale um +1
  6. Ótimas sugestões! Vou tentar os trapos no fundo e com a fita nos alvos.
  7. Sei que já foi postado aqui no fórum este assunto e colocado um vídeo sobre o mesmo, porém não acho que tenha sido dada a devida importância para o assunto. Quando iniciei o hobby, adquiri uma hatsan HT80 5.5, não sabia eu o problema que tinha em mãos. Não pela carabina em si, muito boa por sinal e para sua proposta. Mas eu queria acurácia... Depois de inúmeras tentativas com diversos chumbos fiquei frustrado, o que eu estava fazendo de errado? Será que a arma era tão ruim assim em acurácia? Como todo bom brasileiro sem recursos para fazer a troca da carabina, fui aos foruns em busca de respostas. Acabei por encontrar algo interessante em sites extrangeiros: Artillery Hold???? Fez uma diferença incrível, vou postar os resultados. Tiro apoiado a dez metros com chumbo Gamo Pro-Hunter. O que eu aprendi: As carabinas de mola têm uma particularidade, o chumbo demora para sair do cano, muito mais do que nas armas de fogo. Este fato faz toda a diferença, e como sabemos as molas e êmbolo causam muita vibração e um duplo impacto para frente e para trás. Tudo isso influencia a acurácia do tiro. Outro fato e que os americanos usam e são aficionados por carabinas de ar há muito mais tempo que nós, eles perceberam este problema com as springers e vieram com uma solução após observar as armas de artilharia (outro hobby dos americanos, história e armas de guerra), o Artillery Hold, ou empunhadura de artilharia. O que eles notaram: as armas de artilharia chacoalhavam e balançavam muito, mas mesmo assim conseguiam atingir alvos a quilômetros de distancia. Como? As armas de artilharia são montadas em um suporte que as deixam movimentar para todas as direções para suportar o grande recuo das mesmas, mas no final sempre, eu digo SEMPRE voltam a mesma posição. O que faz que o próximo tiro, sem ser feito nenhum novo ajuste, irá acertar exatamente o mesmo lugar. Mas como isso se aplica as carabinas de mola? Na verdade é bem simples, devemos empunhar a carabina sem tentar retê-la, sem tentar minimizar o recuo. Quanto mais brigarmos para "domá-la", menos controle sobre o tiro teremos. No final o que devemos fazer? Devemos tentar repousar a arma na mão e no ombro da maneira mais confortável possível e quando efetuarmos o disparo, a carabina deve ter liberdade para vibrar, chacoalhar, etc. o que deve ser repetido todas as vezes e a posição que seguramos a mesma. Deve-se tentar memorizar qual o local em que a apoiamos sobre a mão e o o ombro, e assim repetiremos a mesma performance todas as vezes. Devemos lembrar também que usar apoios como sandbags e bipés parecem piorar a acuracia, então a carabina deve sempre estar apoiada sobre a mão do atirador. Este apoio sobre as mãos dá mais liberdade de movimento para a arma durante o disparo. Voltando então para as hatsans e outras carabinas com propostas diferentes como as magnum. Elas na verdade são carabinas que requerem um atirador mais experiente e que saiba como domá-las. Não que elas sejam extremamente precisas. Não, não se trata disso. O que quero dizer e que elas podem ser muito melhores do que se propaga por ai, só demandam mais do atirador. Aqui vão alguns videos que podem ajudar a entender o que estou falando:
  8. Olá! Após meu ultimo post, resolvi fazer um coletor. Fui então a um ferro-velho e consegui uma velha caixa de luz e uma chapa de aço (número 16, pelo que me foi dito). Com uma lixa e um pouco de tinta recuperei a caixa. A chapa foi cortada um pouco maior no comprimento para que entrasse sendo envergada e permanecesse inclinada. A maior distância da saída da caixa para baixo, para que os chumbos sejam redirecionados para a baixo. É possível ver após os testes, que os fragmentos de chumbo ficam no fundo da caixa. Para fixar os alvos usei fita adesiva. O único problema foi que não ficou muito silencioso. Vou tentar algumas coisas para diminuir o nível de ruido, talvez trapos por trás da chapa. O resultado final foi muito bom, nenhum pedaço de chumbo voltando em direção do atirador e 90% dos chumbos permanecendo dentro da caixa. Outro detalhe e que alguns chumbos foram aderindo na chapa que usei, não vou remove-los para que (assim espero) formem uma camada estra e que reduzam o ruido. A propósito, uso uma cometa fenix 400 calibre 4.5 e os testes foram a dez metros.
  9. Vou ver o preço do quilo do chumbo. pode ser uma boa opção. Talvez mais em conta que massa de calafetar.
  10. Só para atualizar o post. Tentei colocar o tecido, varias camadas umas sobre as outras. Não foi muito efetivo. Na verdade atravessou direto. Acho que teria de por muito tecido sobreposto para fazer efeito, não acho que valha a pena, só se você tiver muitos trapos disponíveis. o que não é o meu caso.
  11. Valeu mesmo pessoal. Depois de pronto talvez eu faça um post com o resultado.
  12. Bom saber. Tenho uma caixa de metal . Minha dúvida é : deixo o tecido pendendo como uma cortina ou fixo no fundo?
  13. Olá amigos! Gostaria de fazer um coletor de chumbos com uma cortina de trapos. Vi bons resultados com carabinas menos potentes. Será que terei bons resultados com a cometa fenix 400? As várias camadas de tecido vão parar o projétil?
  14. Certeza que precisa disso tudo? Pensei que fosse uma carabina mais comportada,que não quebra lunetas.
×
×
  • Create New...

Cometa 220.jpg