Jump to content

ANUNCIANTES

Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada
Eduardo Macedo

ALGUMAS VERDADES SOBRE O TIRO DE PRESSÃO

Recommended Posts

ALGUMAS VERDADES SOBRE O TIRO DE PRESSÃO

Há algumas semanas eu publiquei na minha página pessoal no FB, que "impressiona o quanto a verdade gera dúvidas e a mentira é acreditada".

Essa afirmação, em minha opinião, vale para muitas situações, por isso, escrevo sempre textos técnicos sobre armas, que se apoiam nos seguintes pilares: FÍSICA, ENGENHARIA, BALÍSTICA e EXPERIMENTOS PRÁTICOS.

Então, com base nesses "pilares", eis algumas verdades sobre o Tiro de Pressão:

1. O chumbinho é responsável pela maior parte do desempenho da arma, quanto à precisão;

2. Chumbinho com coeficiente balístico (CB) mais alto retém mais energia a longo alcance e tem trajetória com curva menos acentuada, precisando de menos compensação;

3. Apesar de o peso do chumbinho ter relação direta com o CB, não significa que o chumbinho mais pesado tenha CB sempre mais alto, visto que este depende também do seu formato;

4. Chumbinhos cuja cabeça tem mais contato com as raias do cano apresentam energia mais alta;

5. Chumbinhos mais leves disparados por armas de pressão de alta potência perdem mais energia a longo alcance do que chumbinhos mais pesados. Isso ocorre porque o arrasto é maior, portanto, é melhor usar chumbinhos mais pesados, mesmo que a energia inicial seja mais baixa;

6. Para o mesmo calibre, chumbinhos mas compridos se adaptam melhor às armas de pressão mais potentes, embora os chumbinhos mais curtos também possam ser utilizados;

7. Nos dias mais quentes, a queda do chumbinho é menor do que em dias mais frios, exigindo menos compensação da visada para a mesma arma, com o mesmo tipo de chumbinho, no mesmo alcance;

8. Nos tiros a longo alcance, acima de 40 metros, usando chumbinhos iguais, aquele que deixar o cano com mais velocidade, perderá mais energia durante o percurso, portanto, ao atingir o alvo, a diferença de energia entre a arma mais potente e a menos potente será bem menor do que a diferença de energia na saída do cano;

9. Apesar de apresentar curva balística mais acentuada para a mesma energia inicial, o chumbinho calibre 5,5 mm retém mais energia a longo alcance do que o chumbinho calibre 4,5 mm, se os coeficientes balísticos forem iguais;

10. Se dois chumbinhos de formas semelhantes acertarem o alvo com a mesma energia, o de calibre 4,5 mm terá maior capacidade de penetração e o de calibre 5,5 mm apresentará maior aplicação de energia;

11. Chumbinhos de liga leve que tem maior dureza, são eficientes em armas de alta potência para maior penetração a curto alcance e melhoram a eficiência de armas de baixa potência;

12. Admitindo que a arma é precisa e o chumbinho é adequado, qualquer arma de pressão com energia inicial acima de 16 Joules serve para atividade de caça com tiros em torno de 50 metros, considerando aves e pequenos animais;

13. A medição da velocidade do chumbinho, para testes com finalidade de avaliação técnica, deve ser feita com a boca do cano da arma posicionado entre 90 cm e 1,0 m do cronógrafo, apesar de existirem cronógrafos que só medem a velocidade do projétil na boca do cano;

14. O pistão rotativo foi desenvolvido para reduzir (teoricamente) o efeito de torção transferido pela mola helicoidal à arma, portanto, essa função não se aplica às armas equipadas com gas ram, visto que este tipo de mola não causa esforço de torção;

15. Testes práticos demonstram que a redução do peso do pistão em até 60 gramas, reduz em até 15% o recuo de uma carabina que pesa 3,6 kg, com energia de 16 Joukes, mas também reduz mais a energia para chumbinhos mais pesados. Em carabinas de 19 e 21 Joules, a mesma redução de peso no pistão não resultou em mais de 4% na redução do recuo;

16. Em ambientes com menos luz, a menor magnitude da luneta é mais adequada.

Atire para acertar!

FONTE e Autorização FÓRUM CA: Nelson L. De Faria

 

image.png

  • Like 1
  • +1 3

Share this post


Link to post
Share on other sites

Verdades muito verdadeiras. Achamo atenção para a mais importante em minha opinião, que revela a falta de conhecimento e preguiça para aprender/pesquisar de uma boa leva de atiradores (novatos e, tristemente, veteranos):

1. O chumbinho é responsável pela maior parte do desempenho da arma, quanto à precisão;

O senso comum é de que o contrário que seria verdade ... Quando não é! Por isso fala-se/gasta-se/reclama-se muito das armas enquanto os chumbos têm apenas papel coadjuvantes, secundários. Testes de chumbos são feitos de forma inadequada e superficial. Seleção de chumbos nem pensar. Se gasta milhares de reais na arma mas se reclama de investir uma graninha a mais em chumbos de melhor qualidade. Daí quando a precisão deixa a desejar parte-se direto para ... A tunagem das armas! É como colocar gasolina batizada da pior qualidade num carro esportivo e quando o carro começa a falhar, engasgar, não desenvolver se colocar a culpa no próprio carro, no fabricante, no projetista do carro!

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
Em 23/01/2019 em 21:14, Eduardo Macedo disse:

ALGUMAS VERDADES SOBRE O TIRO DE PRESSÃO

Há algumas semanas eu publiquei na minha página pessoal no FB, que "impressiona o quanto a verdade gera dúvidas e a mentira é acreditada".

Essa afirmação, em minha opinião, vale para muitas situações, por isso, escrevo sempre textos técnicos sobre armas, que se apoiam nos seguintes pilares: FÍSICA, ENGENHARIA, BALÍSTICA e EXPERIMENTOS PRÁTICOS.

Então, com base nesses "pilares", eis algumas verdades sobre o Tiro de Pressão:

1. O chumbinho é responsável pela maior parte do desempenho da arma, quanto à precisão;

2. Chumbinho com coeficiente balístico (CB) mais alto retém mais energia a longo alcance e tem trajetória com curva menos acentuada, precisando de menos compensação;

3. Apesar de o peso do chumbinho ter relação direta com o CB, não significa que o chumbinho mais pesado tenha CB sempre mais alto, visto que este depende também do seu formato;

4. Chumbinhos cuja cabeça tem mais contato com as raias do cano apresentam energia mais alta;

5. Chumbinhos mais leves disparados por armas de pressão de alta potência perdem mais energia a longo alcance do que chumbinhos mais pesados. Isso ocorre porque o arrasto é maior, portanto, é melhor usar chumbinhos mais pesados, mesmo que a energia inicial seja mais baixa;

6. Para o mesmo calibre, chumbinhos mas compridos se adaptam melhor às armas de pressão mais potentes, embora os chumbinhos mais curtos também possam ser utilizados;

7. Nos dias mais quentes, a queda do chumbinho é menor do que em dias mais frios, exigindo menos compensação da visada para a mesma arma, com o mesmo tipo de chumbinho, no mesmo alcance;

8. Nos tiros a longo alcance, acima de 40 metros, usando chumbinhos iguais, aquele que deixar o cano com mais velocidade, perderá mais energia durante o percurso, portanto, ao atingir o alvo, a diferença de energia entre a arma mais potente e a menos potente será bem menor do que a diferença de energia na saída do cano;

9. Apesar de apresentar curva balística mais acentuada para a mesma energia inicial, o chumbinho calibre 5,5 mm retém mais energia a longo alcance do que o chumbinho calibre 4,5 mm, se os coeficientes balísticos forem iguais;

10. Se dois chumbinhos de formas semelhantes acertarem o alvo com a mesma energia, o de calibre 4,5 mm terá maior capacidade de penetração e o de calibre 5,5 mm apresentará maior aplicação de energia;

11. Chumbinhos de liga leve que tem maior dureza, são eficientes em armas de alta potência para maior penetração a curto alcance e melhoram a eficiência de armas de baixa potência;

12. Admitindo que a arma é precisa e o chumbinho é adequado, qualquer arma de pressão com energia inicial acima de 16 Joules serve para atividade de EDITADO - ASSUNTO PROIBIDO com tiros em torno de 50 metros, considerando aves e pequenos animais;

13. A medição da velocidade do chumbinho, para testes com finalidade de avaliação técnica, deve ser feita com a boca do cano da arma posicionado entre 90 cm e 1,0 m do cronógrafo, apesar de existirem cronógrafos que só medem a velocidade do projétil na boca do cano;

14. O pistão rotativo foi desenvolvido para reduzir (teoricamente) o efeito de torção transferido pela mola helicoidal à arma, portanto, essa função não se aplica às armas equipadas com gas ram, visto que este tipo de mola não causa esforço de torção;

15. Testes práticos demonstram que a redução do peso do pistão em até 60 gramas, reduz em até 15% o recuo de uma carabina que pesa 3,6 kg, com energia de 16 Joukes, mas também reduz mais a energia para chumbinhos mais pesados. Em carabinas de 19 e 21 Joules, a mesma redução de peso no pistão não resultou em mais de 4% na redução do recuo;

16. Em ambientes com menos luz, a menor magnitude da luneta é mais adequada.

Atire para acertar!

FONTE e Autorização FÓRUM CA: Nelson L. De Faria

 

image.png

Patrão Nelson!

Esse sim conhece e sabe o que está falando! Sem inventar folclores!

Já li o livro dele duas vezes! por uma e outras vou consultar algo é inevitável ler e não aprender mais um pouco! 

Guardo textos dele postado no saudoso AIRGUN.COM.BR  que copiei e salvei no Word.

Evaldo Lucena

 

  • Like 1

Share this post


Link to post
Share on other sites
11 horas atrás, Evaldo Lucena disse:

Patrão Nelson!

Esse sim conhece e sabe o que está falando! Sem inventar folclores!

Já li o livro dele duas vezes! por uma e outras vou consultar algo é inevitável ler e não aprender mais um pouco! 

Guardo textos dele postado no saudoso AIRGUN.COM.BR  que copiei e salvei no Word.

Evaldo Lucena

 

Evaldo se puder me passe este material que disponibilizo aqui no fórum, tenho autorização do Nelson para postar suas matérias.

Eduardo Macedo.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...

Important Information


carabina-gamo-maxima-madeira-22-4190.jpg