Jump to content

ANUNCIANTES

Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada
MATTHEW QUIGLEY

O TEMPO FOGE...

Recommended Posts

Sem palavras!

Como se diz! As coisas mais importante da vida não são coisas !!!

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sabio texto reflete bem o atual momento pessoal...por isso deixei de lado a competição voltar atirar sem buscar a extrema precisão...basta acertar a lata e ser feliz...sem stress só se divertindo e compartilhado dos churrascos e momentos felizes.

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Boa tarde aos companheiros.

 

Lendo as palavras de Ricardo Gondim, coladas pelos companheiro "Metil", eu, inflamado por sentimento poético, afirmo que todos nós temos direito de, às vezes, nos sentirmos tristes, cansados, e porque não, velhos! Também afirmo, que como o "tempo" estes sentimentos também passam!

 

Quando fazemos, o balanço "contábil" de nossas vidas é melhor que o "Ativo" seja maior que o "Passivo", não só de nosso patrimônio (que é importante porque não vivemos de vento), mas que nosso saldo positivo seja de alegrias. É este o melhor investimento! Faça suas aplicações em família, carabinas, churrascos, viagens, etc, e veja sua felicidade crescer, na contramão da desonestidade e falta de humanidade em que estamos mergulhados.

 

Como disse o "xara" Vinicius de Morais: - "que seja eterno enquanto dure, posto que é chama!"

 

Se estiver chateado por um dia, que fique bem chateado, insuportável. MAS por um dia! Amanhã, ou no mesmo no fim da tarde, pegue a carabina que mais gosta, e atire bastante sem compromisso de acertar, isso muda o humor (comigo funciona)!

 

Resumindo, fique aborrecido às vezes, mas viva feliz. O tempo passa para todo mundo, astuto é quem melhor o aproveita. Viva bem, de modo que se tudo findar em um repentino instante, não tenha deixado de fazer algo que gostaria de ter feito.

 

É isso.

 

Até mais.

 

PS.: Não estou dizendo que alguém (ninguém) está triste, somente contribuindo com minha humilde opinião.

  • Upvote 4

Share this post


Link to post
Share on other sites

Minha filosofia é semelhante a do Marvin, mas eu resumo em: viva o dia de hoje como se fosse o último e agradeça sempre, abraços.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Bem disse Dalai Lama : " Os homens vivem como se nunca fossem morrer...e morrem como se nunca tivessem vivido" , e isso é uma grande verdade, muitos de nós deixamos de buscar nossos sonhos e empurramos as coisas com a barriga e quando se chega no fim da vida vemos o quão vazia ela foi, por isso é sempre importante viver cada dia como se fosse o último e não esquentar a cabeça com coisas vazias !

Share this post


Link to post
Share on other sites

Excelente Mathew! Belo texto do Ricardo Gondim, bate certo com minha forma de encarar a vida! +1 procê e, de quebra tome um Gael para lembrar as raízes from Scotland!

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Nada como ficar contente só com o vários tombos da lata...ou curtindo os amigos num churratiros que nem o frio e chuva incomoda ou impede de aquecer nossos corações amigos....

ouzb5y.jpg

nb7v41.jpg

b5k27m.jpg

24z9hd4.jpg

15cgggo.jpg

 

View My Video

Edited by Rui Saiki
  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Excelente Mathew! Belo texto do Ricardo Gondim, bate certo com minha forma de encarar a vida! +1 procê e, de quebra tome um Gael para lembrar as raízes from Scotland!

 

 

 

Mário foi na mosca.

 

Eu fui às lágrimas.

 

Alba Gu Bràth!

Edited by MATTHEW QUIGLEY

Share this post


Link to post
Share on other sites

Sabio texto reflete bem o atual momento pessoal...por isso deixei de lado a competição voltar atirar sem buscar a extrema precisão...basta acertar a lata e ser feliz...sem stress só se divertindo e compartilhado dos churrascos e momentos felizes.

 

 

Não vivemos de medalhas, não vivemos do tiro e sim do prazer que ele nos dá, então competições serão ótimas no começo, depois enchem o saco e acabam com o "prazer" que o tiro dava.

 

Boa tarde aos companheiros.

 

Lendo as palavras de Ricardo Gondim, coladas pelos companheiro "Metil", eu, inflamado por sentimento poético, afirmo que todos nós temos direito de, às vezes, nos sentirmos tristes, cansados, e porque não, velhos! Também afirmo, que como o "tempo" estes sentimentos também passam!

 

Quando fazemos, o balanço "contábil" de nossas vidas é melhor que o "Ativo" seja maior que o "Passivo", não só de nosso patrimônio (que é importante porque não vivemos de vento), mas que nosso saldo positivo seja de alegrias. É este o melhor investimento! Faça suas aplicações em família, carabinas, churrascos, viagens, etc, e veja sua felicidade crescer, na contramão da desonestidade e falta de humanidade em que estamos mergulhados.

 

Como disse o "xara" Vinicius de Morais: - "que seja eterno enquanto dure, posto que é chama!"

 

Se estiver chateado por um dia, que fique bem chateado, insuportável. MAS por um dia! Amanhã, ou no mesmo no fim da tarde, pegue a carabina que mais gosta, e atire bastante sem compromisso de acertar, isso muda o humor (comigo funciona)!

 

Resumindo, fique aborrecido às vezes, mas viva feliz. O tempo passa para todo mundo, astuto é quem melhor o aproveita. Viva bem, de modo que se tudo findar em um repentino instante, não tenha deixado de fazer algo que gostaria de ter feito.

 

É isso.

 

Até mais.

 

PS.: Não estou dizendo que alguém (ninguém) está triste, somente contribuindo com minha humilde opinião.

 

 

É mais ou menos isso mesmo, não adianta remoer coisas que não irão te dar alegria, toque a vida e viva com vontade, fazendo sempre o que te deixa feliz e lá no fim da vida não irá se arrepender.

 

Eduardo Macedo.

Nada como ficar contente só com o vários tombos da lata...ou curtindo os amigos num churratiros que nem o frio e chuva incomoda ou impede de aquecer nossos corações amigos....

ouzb5y.jpg

nb7v41.jpg

b5k27m.jpg

24z9hd4.jpg

15cgggo.jpg

 

View My Video

 

É desta alegria que eu falo, vá se divertir e jogar conversa fora, nada melhor que ver uma lata tombar KKKKKKK.

  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

 

Mário foi na mosca.

 

Eu fui às lágrimas.

 

Alba Gu Bràth!

Scotland Forever! Hoo-rah!

Edited by Mario Tulio
  • Upvote 2

Share this post


Link to post
Share on other sites

Éh....... passei por uma perda recente, meu sogro faleceu dia 31 do mês passado... teve uma vida digna, de muito trabalho honesto e pode dar para seus dois filhos tudo que eles precisaram para serem independentes na vida, que basicamente foi educação, apoio, carinho, amor e compreensão... sempre me apoiou no tiro esportivo, era o cara que separava todas as tampinhas para meus treinos... passei junto com ele e vi como tudo seguiu nos últimos tempos em que estava debilitado fisicamente e a mente a mesma de sempre, inteligente e divertido... e nessas ultimas semas pude ver bem o que "sobra" de um grande homem, poucos olhares de afeto que conseguiu dar e depois muitas lágrimas mesmo com os olhos fechados pq já não respondia a mais nada... e depois da partida um punhado de cinzas... isso faz a gente pensar um monte de coisas que combina bem com o que os queridos amigos MATTHEW e MARVIN escreveram... em resumo estou num processo de sentimentos, pensamentos que não tem mais como eu ser como eu era antes... cuidar mais da minha pequena família, viver com amigos verdadeiros e me cuidar mais para ter uma velhice mais digna é o mínimo que vou fazer... um grande abraço amigos CA!!!

  • Upvote 1

Share this post


Link to post
Share on other sites

Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui

para a frente do que já vivi até agora.

Tenho muito mais passado do que futuro.

Sinto-me como aquele menino que recebeu uma bacia de jabuticabas..

As primeiras, ele chupou displicente, mas percebendo que faltam

poucas, rói o caroço.

Já não tenho tempo para lidar com mediocridades.

Não quero estar em reuniões onde desfilam egos inflamados.

Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram,

cobiçando seus lugares, talentos e sorte.

Já não tenho tempo para conversas intermináveis, para discutir

assuntos inúteis sobre vidas alheias que nem fazem parte da minha.

Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas, que apesar

da idade cronológica, são imaturos.

Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram pelo majestoso cargo

de secretário geral do coral.

‘As pessoas não debatem conteúdos, apenas os rótulos’.

Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência,

minha alma tem pressa…

Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente humana,

muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com

triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua

mortalidade,

Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade,

O essencial faz a vida valer a pena.

E para mim, basta o essencial!

 

Ricardo Gondim

 

Boa tarde aos companheiros.

 

Lendo as palavras de Ricardo Gondim, coladas pelos companheiro "Metil", eu, inflamado por sentimento poético, afirmo que todos nós temos direito de, às vezes, nos sentirmos tristes, cansados, e porque não, velhos! Também afirmo, que como o "tempo" estes sentimentos também passam!

 

Quando fazemos, o balanço "contábil" de nossas vidas é melhor que o "Ativo" seja maior que o "Passivo", não só de nosso patrimônio (que é importante porque não vivemos de vento), mas que nosso saldo positivo seja de alegrias. É este o melhor investimento! Faça suas aplicações em família, carabinas, churrascos, viagens, etc, e veja sua felicidade crescer, na contramão da desonestidade e falta de humanidade em que estamos mergulhados.

 

Como disse o "xara" Vinicius de Morais: - "que seja eterno enquanto dure, posto que é chama!"

 

Se estiver chateado por um dia, que fique bem chateado, insuportável. MAS por um dia! Amanhã, ou no mesmo no fim da tarde, pegue a carabina que mais gosta, e atire bastante sem compromisso de acertar, isso muda o humor (comigo funciona)!

 

Resumindo, fique aborrecido às vezes, mas viva feliz. O tempo passa para todo mundo, astuto é quem melhor o aproveita. Viva bem, de modo que se tudo findar em um repentino instante, não tenha deixado de fazer algo que gostaria de ter feito.

 

É isso.

 

Até mais.

 

PS.: Não estou dizendo que alguém (ninguém) está triste, somente contribuindo com minha humilde opinião.

Só hoje encontrei estes maravilhosos posts!!! +1 pra cada um merecido. E é isso mesmo. Somos apenas meros passageiros desta rápida existência!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Isso, Carlos, e temos que aprender desapêgo material, enquanto é tempo.
Métil
E este ano...tá acontecendo tragédia demais...mau começamos ano.

Enviado de meu SM-J710MN usando o Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

lindo texto,muito forte,otimo para reflexao do q estamos fazendo com nossas vidas

Share this post


Link to post
Share on other sites
lindo texto,muito forte,otimo para reflexao do q estamos fazendo com nossas vidas
Jabuticaba brasileira BSA R10 Turning Nico reg. Huma aird80b08503ee5debc9a24cfeb3c564e4f.jpg

Enviado de meu SM-J710MN usando o Tapatalk

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.


  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...