Jump to content

ANUNCIANTES

Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada

Macoy_AbZ

Members
  • Content Count

    28
  • Joined

  • Last visited

Community Reputation

3 Neutro

1 Follower

About Macoy_AbZ

  • Rank
    Novato
  • Birthday 06/17/1980
  • Age 39

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Sua Localidade
    Baixada Santista
  • Age 39
  1. O duro de escolher a Zoraki é que você entra na região de preço de ótimas carabinas como a HW-30. Eu tenho a Beeman 2004 e ela é um monstrinho. A precisão é muito boa! Consigo atingir latinhas de maneira consistente à 20 metros (só pra efeito de comparação, a GAMO P-900 só acerta com reza brava). O gatilho da Beeman também é muito bom, bem levinho e dá um sinal tátil no final do curso, pouco antes de disparar, o que ajuda na precisão. A potência também é bastante interessante pra uma pistola. Eu já comprei a Beeman com o kit de reparo (custa mixaria) mas ela não deu nem sinal de estar com algum vazamento ou defeito. Enfim, considerei uma ótima compra por R$ 450,00. Bem melhor que a P-900. Abraços.
  2. Já estou fazendo curso de tiro defensivo! Próxima etapa: CR e apostilamento de atirador e colecionador. O próximo passo é acabar com a "declaração de efetiva necessidade" para poder comprar uma arma pela PF e utiliza-la para defesa pessoal.
  3. Os entusiastas do airsoft também precisam mandar e-mails. Ele está ainda mais irredutível com relação à esta modalidade. Enviem e-mails explicando sobre o esporte do airsoft. Precisamos impedir esse golpe no esporte.
  4. Mas Luiz, você enviou para o email que eu passei? O email oficial da câmara não está recebendo mensagens? Vixe! Brasília é muito longe, teria que ir de avião falar com ele... rsrsrs...
  5. Olá amigos. Enviei um email para o Dep.Cláudio Cajado e, tenho duas notícias, uma boa e a outra ruim. A ruim é que ele está realmente disposto à acabar com o comércio de armas de pressão e airsoft. A boa é que ele está respondendo os e-mails rapidamente e sendo muito receptivo à sugestões e informações sobre o esporte. Gostaria de pedir que você entrassem em contato com o Deputado, sempre de maneira educada e sem agressões verbais. Segundo ele, na resposta a um email meu, as armas de pressão no calibre de calibre 5,5 podem levar à óbito e é por isso que ele quer controlar o comércio. Enviem informações, dados e tabelas sobre a letalidade de armas de pressão. Sobre o esporte e hobby e sobre o airsoft e paintball. Solicitem gentilmente que ele deixe a legislação das armas de pressão da maneira em que está hoje. O email do Deputado: claudio.cajado@bol.com.br Pelo amor de Deus sejam gentis. Nós podemos não concordar com ele, mas ainda assim ele é uma autoridade, tratem-no como tal. Além disso, este email é pessoal. Temos que defender o nosso esporte. Email que ele me enviou: Marcio, agradeço suas preocupações, mas tenho informações que armas de pressão acima de 5,5 mm podem levar a óbito, por isso o controle. Me dê alguma sugestão então. Cc Um abraço
  6. Pois é, conheci o clube há pouco tempo. Estou até com curso de tiro defensivo marcado. Mas com essa confusão eu não sei o que vai acontecer, se vai pro morro da nova cintra, se continua lá. Fico chateado com a situação. Abraços.
  7. Olá amigos, Deem uma olhada nesse vídeo: http://www.facebook.com/video/embed?video_id=531496376910346 Não tenho nada contra a PM, mas é incrível que até as forças de segurança estão contra nós. Abraços, Marcio
  8. Não é bem assim não. No final da década de 80, início da década de 90. Muitos andavam armados. Não era nem um pouco incomum ver pessoas andando na rua com a arma na cintura. Na categoria dos caminhoneiros, todo mundo andava armado. Comerciantes e pequenos empresários idem. Nas boates e restaurantes era comum você deixar sua arma na chapelaria. E, curiosamente, ninguém saía matando ninguém na rua. Se você, estando armado, sabe que outros também estão, vai pensar 1000 vezes antes de sair fazendo alguma besteira. Agora, na situação de hoje, você sabe que ninguém está armado. Aí é mais fácil fazer bobagem sem temer uma possível represária. Conviví, na minha infância e adolescência, com dezenas de parentes armados. Nenhum deles era oficial de alguma força de segurança. Apenas um deles chegou a balear outra pessoa. E o caso foi legítima defesa, quando tentaram assaltar o comércio dele.
  9. Olá amigos, estou escrevendo este tópico para ajudar aqueles que, como eu, tem dúvidas na escolha de uma pistola de baixo custo. Após comprar a minha SAG AR 1000, fiquei com a mão coçando para comprar uma pistola visando a prática do tiro dentro de casa. Entre todas as opções, elenquei a Beeman 2004 (P-17) e a GAMO P-900 como a finalistas. Ambas pareciam atender aos meus requisitos, porém, mesmo após ver reviews e mais reviews, não consegui chegar a uma decisão. No final acabei comprando as duas, de modo a reduzir qualquer frustação do tipo: "poderia ter comprado a outra..." ou "se eu tivesse escolhido aquela...". GAMO P-900 A GAMO P-900 é uma pistola de ar comprimido do tipo "springer" (ação por mola) no calibre 4.5mm. Ela é uma pistola de baixíssimo custo (cerca de R$ 300,00) e realmente mostra isso em cada detalhe. A arma é 80% de plástico. O acabamento é bem tosco e cheio de rebarbas. O grip parece frágil pois no momento de manobrá-la, a arma torce um pouco nesse ponto. Apesar disso, não há folgas aparentes e ela aparenta solidez (com excessão do grip). Manobrá-la é relativamente fácil, após pouco tempo você "pega a manha" já consegue aumentar a cadência de tiro sem se cansar. Colocar o chumbinho é muito fácil e rápido. Dá pra gastar uma lata de 250 tiros em pouquíssimo tempo. O problema maior no disparo é o gatilho meio duro e cheio de rebarbas que chegam a marcar o dedo indicador após algum tempo. No quesito barulho ela não chega a incomodar muito. O recuo também é bem suave e não chega a atrapalhar o disparo. Na questão da precisão, a arma parece ser bem aceitável, sendo fácil "prever" onde o chumbinho vai passar. Consegui acertar latinhas à 15 metros sem muito esforço. Apesar disso, o conjunto de mira é horroroso. A alça é amarelo fluorecente e a massa é preta. Além disso, não há regulagem de altura na alça, apenas lateral. Não há qualquer suporte para Red Dots ou lunetas. Finalmente a potência da arma é bem baixa. Beeman 2004 A Beeman 2004 (també no calibre 4.5mm) é bem diferente da Gamo P-900, sendo acionada por ar comprimido armazenado sob pressão que é liberado no momento do disparo por uma válvula. Ela também é uma pistola de baixo custo (R$ 450,00) e, apesar disso, tem um acabamento bastante superior ao da GAMO. Apesar de ser quase toda em plástico, ela exala robustez. Manobrá-la exige um pouco mais de força e cuidado, porém, ela não se retorce como a GAMO nesse momento. O maior problema dela é na hora de colocar o chumbinho. O abertura do cano para o chumbinho desafia todas as regras de ergonomia, ainda mais se você estiver utilizando um chumbo do tipo "chato" na frente. Pra piorar, por duas vezes o chumbo simplesmente amassou na saia no momento em que eu estava municiando a arma, travando na abertura do cano e me obrigando a enfiar uma vareta pela boca do cano para forçar ele a sair. Nesse quesito a GAMO ganha. Agora no questão da precisão e potência a Beeman supera a GAMO com facilidade. A arma é um monstrinho! Muito potente para o tamanho e com precisão melhor que a da concorrente. Além disso, o conjunto de mira é mais robusto e bem azeitado, com bom contraste e regulagens de altura e vento. Pra melhorar ainda mais, ela não tem recuo algum. De qualquer forma eu achei algo estranho na Beeman: um em cada 5 ou 6 tiros parece sair fora da trajetória (flyer), ainda não consegui diagnosticar isso (pode ser erro do operador...) mas realmente incomoda um pouco. Pode ser o tipo de chumbo, ainda não sei. Ah, esqueci de falar! Ela também possui trilho para Red Dot ou luneta. Conclusões A Beeman é, sem dúvida, a melhor escolha nessa faixa de preço. Apesar disso, a GAMO ganha na questão "fun factor" pois você consegue manobrar e recarregar a arma quase sem cansar. Permitindo a utilização dela por mais tempo. Quando estou com a Beeman eu encerro a brincadeira bem antes. Espero poder ajudar. Vou ver se posto umas fotos e mais detalhes dos chumbos que utilizei nos testes. Um Abraço, Marcio
  10. Muito bom amigo Fersiq. É muito bom saber que a nossa Webley não é capada como as britânicas. Mas fiquei encucado como seu comentário sobre a válvula. Na sua opinião ela pode ter a vida útil comprometida? Abraços.
  11. Antigamente, há uns 15 anos atras, invasao de domicílio e roubo de automoveis eram eventos raros. Exatamente porque a proporcao de pessoas armadas era bem maior. Hoje o bandido nao tem medo de colocar uma arma na cabeça de alguém. Pra mim, o aumento nessas modalidade de crime e o maior atestado de fracasso do estatuto do desarmamento. Antigamente, quando eu trabalhava na loja do meu pai, os clientes entravam na loja e pediam licenca para colocar a arma na mesa. Nos restaurantes e boates voce podia deixar sua arma na chapelaria. Era a coisa mais comum do mundo. Nunca tive medo de armas de fogo, nem quando crianca, pelo contrario, adorava quando meu pai comprava a revista Magnum. Desculpem pelos ac3ntos, estou no celular.
  12. Bacana Henrique! Ponto pra você. Eu fiquei curioso com relação a esta carabina, principalmente devido ao preço. As pistolas da Crossman, por exemplo, custam pelo menos R$ 200,00 a mais do que esta arma. Infelizmente ela parece ser um produto bem mais voltado às crianças e adolescentes (dos EUA né, porque aqui arma não podi, é feiu, é bobu). Isso parece claro ao perceber que a arma pode atirar BBs (algo meio old school). Ao que parece ela teve o azar de chegar junto com a Webley Rebel, que tem 200fps de velocidade a mais, um acabamento um pouco melhor e mesma faixa de preço. Bom, de qualquer forma eu fiquei surpreso com o desempenho da carabina, bem melhor do que eu imaginava. E com o visual da M4, deve ser pura diversão. Abraços
  13. Também estou curioso para saber mais sobre os mecanismos internos da arma. Ela é fácil de dar manutenção? Falo isso porque as armas de pump costumam apresentar vazamentos com o tempo. E isso exige a troca de o-rings e lubrificante. A Beeman 2004 por exemplo, costuma dar problema, mas a pistola é tão simples de desmontar e reparar que isso não representa dor de cabeça. Seria legal que a Webley Rebel fosse assim também.
  14. Muito bom o review! Essa marca tem representação oficial aqui no Brasil? Nunca ví para vender aqui. Fiquei surpreso pelo bom compromisso entre precisão e V0 da arma. Só achei que ela merecia coronha em madeira. Ia ficar linda.
  15. Lindo review. Estas armas tinham uma elegância ímpar. Meu pai tinha uma dessas so que com plastico em pintura camuflada e coronha rebativel. Infelizmente sumiu depois de uma mudança. Adoraria encontra-la novamente...
×
×
  • Create New...

WhatsApp Image 2019-08-18 at 09.30.27.jpeg