Ir para conteúdo

ANUNCIANTES

Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada

Eduardo Mello

Regras - CBTP

Posts Recomendados

Eduardo Mello    221

REGRAS OFICIAIS DA CBTP PARA MODALIDADE DE TIRO ÀS SILHUETAS METÁLICAS NO BRASIL

 

 

Pontuação

 

1. Para cada serie de cinco tiros, os alvos deverão ser atirados em seqüência da esquerda para a direita sendo permitido apenas um tiro em cada alvo. Cada grupo de cinco alvos é constitui uma serie.

 

2. As sumulas de prova para cada competição deverão conter as seguintes anotações:

 

 


  •  
  • Nome completo do atirador
     
  • Clube ou Federação à qual o atirador pertence ou está filiado
     
  • Indicações da categoria a ser atirada
     
  • Classes do atirador naquela categoria
     
  • Marca modelo e nº da arma a ser utilizada com a assinatura do encarregado de sua homologação e certificação
     
  • Ao final de cada serie de cinco tiros os resultados deverão ser assinalados na sumula de acordo com a seqüência de acertos ou erros
     
  • Cada acerto deverá ser marcado com um X no quadrado correspondente ao tiro e cada erro deverá ser marcado com um 0 (zero). No quadrado colocado à direita dos cinco tiros assinalados deverá ser anotado o resultado parcial e cada série de cinco tiros e ao seu lado a assinatura do fiscal de linha ou na falta deste do atirador ou spotter que estiver ao lado do atirador
     
  • No final da prova os resultados das oito series deverá ser anotado na sumula e assinado pelo juiz de linha e pelo atirador

 

3. Um tiro será marcado como um (X) acerto se o alvo correto for derrubado ou movido para fora de sua base de apoio. As seguintes condições de tiro no alvo correto deverão ser consideradas como um acerto:

 

 


  •  
  • Um ricochete que derrube o alvo.
     
  • Um tiro que atinja um alvo que foi fixado por grampo ou outro prendedor ao seu suporte para evitar sua queda pela ação do vento e que possa ser verificado pelo juiz por ter sido pintado antes do inicio de cada serie em que os alvos foram presos aos seus suportes. Nestas situações os alvos deverão ser pintados antes de cada serie e verificados os acertos pelo juiz de linha.
     
  • Quando qualquer um dos pés de um porco ou de um carneiro atingido estiver completamente fora de sua base encostando-se ao chão ou em qualquer outra obstrução que não permita sua queda completa.
     
  • Quando o pé de uma galinha ou peru atingido estiver totalmente fora de sua base, mas encostando-se ao chão ou em qualquer outra obstrução de forma a não permitir que o alvo caísse completamente.
     
  • Um alvo automatizado atingido que cai e volta para a posição em pé pelo efeito de um tiro excessivamente forte.

 

4. Um tiro será a marcação como 0 (Zero) se o alvo atirado for atingido e por qualquer motivo não cair permanecendo sobre sua base.

 

5. Seguintes casos serão considerados como 0 (Zero)

 

 

 


  •  
  • Alvos que não sejam atingidos por qualquer razão.
     
  • Um alvo que for derrubado por um tiro disparado antes do comando “Fogo” ou após o “Cessar Fogo”.
     
  • No final da serie o diretor da prova deverá anunciar: “Este tiro não foi valido”

 

6. Alvo derrubado fora de seqüência:

Se durante uma série o atirador atingir e derrubar um alvo fora da seqüência correta, perderá o ponto correspondente ao alvo atingido fora de ordem e o ponto correspondente ao alvo em que deveria ter atirado, ou seja, dois pontos.

 

7. Exceto como descrito no item 5 abaixo, em nenhum caso um alvo atingido será considerado como atingido a menos que seja derrubado ou fique fora de sua base como resultado do tiro disparado pelo atirador.

 

8. Se um alvo de uma serie de 5 alvos for preso com grampo ou outro tipo de prendedor, todos os alvos colocados naquele grupo de alvos naquela mesma distância devem estar igualmente presos.

 

9. O procedimento padrão de fixação dos alvos deve ser retomado imediatamente quando as condições do vento assim permitirem.

 

10. Se durante uma serie de tiros algum alvo cair por ação do vento, por ricochete ou por ter sido atingido por outro atirador, após terminar os tiros nos alvos restantes da sua serie o competidor poderá após avisar o juiz de linha atirar em outro alvo de sua serie que tenha ficado em pé ou em algum alvo de um grupo de alvos adjacente que não tenha sido usado por outro atirador naquela serie. Caso não exista nenhum alvo disponível, o atirador poderá solicitar um álibi.

 

11. Cada pontuação do competidor deverá ser anotada pelo spotter (observador de tiro) do próprio atirador, por outro atirador ou por outro spotter que esteja próximo e tenha presenciado o fato e que deverá assinar ou colocar as iniciais de seu nome no quadrado da sumula apropriado para “juizes” assim que completar cada serie de cinco tiros. O atirador deverá igualmente assinar a sua sumula.

 

12. Caso um atirador tenha assinado uma sumula incorretamente, sua pontuação será anulada e o atirador desclassificado naquela prova não podendo fazer uma reinscrição para aquela categoria mesmo se for permitido pelo regulamento daquela competição.

 

13. Se um atirador efetuar deliberadamente mais que 5 (cinco) disparos em uma mesma série de tiros deverá ser imediatamente notificado pelo juiz de linha ou pelo diretor da prova e seu resultado desconsiderado naquela prova.

Em caso de reincidência o atirador deverá ser desclassificado daquela competição.

A reincidência deste procedimento em outras competições deverá ser comunicada à CBTP através de uma representação que depois de recebida e analisada pela diretoria dará ensejo à instauração de um processo administrativo com as punições cabíveis previstas no estatuto da CBTP.

 

 

 

Álibis

 

 

Álibis são oportunidades de disparar um ou mais tiros em uma determinada prova fora da seqüência normal quando por motivos alheios ao desempenho do atirador, à sua arma ou à sua munição não for possível completar a serie de cinco tiros. Os tiros correspondentes ao álibi serão disparados em uma serie separada pelo atirador que não conseguiu completar sua serie. Se o Álibi consistir de cinco alvos o tempo normal de dois minutos será concedido para que o atirador complete a serie.

Se o Álibi se referir a menos de cinco alvos o tempo para o atirador completar sua serie será proporcional ao numero de alvos que deixaram de ser atirados.

 

 

Desempates (Shoot Off's)

 

1. No caso de pontos totais iguais feitos por mais de um atirador na mesma categoria e classe de competição, o diretor de prova pode decidir como promover o desempate que poderá através de contagem regressiva de alvos na seguinte seqüência.

 

2. Será considerado vencedor o atirador que acertar o maior numero de carneiros, Havendo empate no numero de carneiros acertados serão contados os perus e persistindo o empate nos perus serão contados os porcos. Havendo empate nos porcos serão computadas as galinhas.

 

3. Desempate por Shoot Off.

 

4. O desempate por Shoot Off consiste em atirar cinco alvos geralmente colocados a distancia máxima de 200 metros e composta por alvos de animais a critério da direção da prova. A direção poderá colocar alvos Small Bore 1/5 ou de Half Scale para desempates de categorias Small Bore ou Big Bore com a finalidade de dificultar e agilizar os desempates ou então colocar alvos Big Bore ou Field Pistol a distancias inferiores a 200 metros para modalidades standing onde os acertos têm maior grau de dificuldade e igualmente poderiam atrasar o andamento da competição por serem de difícil visualização se forem colocados na distancia máxima de 200 metros.

 

5. Só será permitida a utilização no Shoot Off da mesma arma que o atirador utilizou para atirar aquela modalidade em que ocorreu o empate.

 

 

DISTANCIA DOS ALVOS

 

AR COMPRIMIDO

 

 

Galinha 9,14m

Porco 11,43m

Peru 13,71m

Carneiro 16,45m

 

 

fonte http://cbtp.org.br/

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
karolaza    915

Muito bom, só uma pergunta existe algum tempo pra se ralizar a prova?

 

Abraço

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É a mesma regra da IHMSA. Só as distâncias que são metade da usada nas provas de 22LR que no caso são 25/50/75/100 jardas e as de ar são a metade das distâncias.

 

Aqui no RAM é assim:

 

Atira galinha série 1 em 2min.

Atira galinha série 2 em 2min.

Atira javali série 1 em 2min.

Atira javali série 2 em 2min.

Atira peru série 1 em 2min.

Atira peru série 2 em 2min.

Atira carneiro série 1 em 2min.

Atira carneiro série 2 em 2min.

 

Pelo visto aí são tiros em série única o que dá um total de 20. Aqui é 40.

 

É isso ou falei besteira?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante BidU...@   
Visitante BidU...@

Estou lendo as regras todas e alguns itens me deixaram com a pulga atras da orelha:

C - ARMAS LONGAS

As armas longas são utilizadas nas seguintes categorias:

Ø SmallBore

Ø BigBore

Ø FieldCarbine

Ø ArComprimido

Os calibres permitidos nestas modalidades são aqueles definidos na seção VII abaixo: Cartuchos

É permitidoqualquer tipo de armas longas com qualquer tipo de mecanismo desde que sejaseguro. Então vale cano fixo?

As armasdestinadas ao tiro de arma longa Olímpica são permitidas com exceção dasbandoleiras que são consideradas apoio artificial.

As miras dasarmas de tiro Olímpico podem ser utilizadas desde que não tenham lentes em seuinterior. Então vale dioptro???

Nas modalidades AnySight e Hunter são permitidos o uso de qualquer mira inclusive ótica exceto mirasLaser.

Nas competiçõesBig Bore Arma Longa as armas de calibre militar tais como 7X57 Mauser, 308 (7.62NATO), 30-06 Springfield, 7.62 X 39 e outros calibres militares só poderão ser utilizadoscom cargas reduzidas a fim de evitar danos aos alvos.

Munições militaresoriginais de fabrica não podem ser utilizadas em competições de Silhueta poralcançarem velocidades que provocam a perfuração dos alvos e pelo risco dericochetes ao atingirem alvos metálicos.

D. Munições: Pistola de Ar e Carabina de Ar

Os chumbinhos deverão ser de calibres inferiores aos5.7mm de chumbo ou metal macio similar. Munições tipo esfera ou outras bolasredondas não são permitidas. Veja gabaritos oficiais no sitewww.cbtp.org.br.

PQ proibimos o calibre 5,5mm???

Acho que temos que mudar muita coisa ai, posso estar errado por favor me corrijam ! Mas "parece" pelo que eu entendi que estamos muito distantes das regras oficiais. Eu to lendo regra de fogo ou é isso mesmo???

Abraços



Editado por Zaitsev
Aumento somente no tamanho da letra, sem alteração no texto original.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Eduardo Mello    221

Bidu nunca foram proibidas as armas cano fixo em SM. A unica prova onde não são permitidas é papel 10 metros.

 

Porra aumenta essa letra, ta foda de ler.

 

Quanto ao calibre, não permiti-se o 5,5mm em SM 1/10, para não danificar os mesmos, pois os jogos de SM 1/10 são em sua maioria de 3mm de espessura, vide seção VIII letra F, mas existem jogos de 1/10 com 4,75mm, eu mesmo tenho 1.

 

Seção v Armas Longas 3) iii) Considera com mira aberta uma arma com a mira na frente com um poste de 90 graus de cano e a mira de traz aberta ou diópitro sem lente.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
D'elite    143

REGRAS OFICIAIS DA CBTP PARA MODALIDADE DE TIRO ÀS SILHUETAS METÁLICAS NO BRASIL

 

.......

 

3. Um tiro será marcado como um (X) acerto se o alvo correto for derrubado ou movido para fora de sua base de apoio. As seguintes condições de tiro no alvo correto deverão ser consideradas como um acerto:

 

 

  • Um ricochete que derrube o alvo.
  • Um tiro que atinja um alvo que foi fixado por grampo ou outro prendedor ao seu suporte para evitar sua queda pela ação do vento e que possa ser verificado pelo juiz por ter sido pintado antes do inicio de cada serie em que os alvos foram presos aos seus suportes. Nestas situações os alvos deverão ser pintados antes de cada serie e verificados os acertos pelo juiz de linha.
  • Quando qualquer um dos pés de um porco ou de um carneiro atingido estiver completamente fora de sua base encostando-se ao chão ou em qualquer outra obstrução que não permita sua queda completa.
  • Quando o pé de uma galinha ou peru atingido estiver totalmente fora de sua base, mas encostando-se ao chão ou em qualquer outra obstrução de forma a não permitir que o alvo caísse completamente.
  • Um alvo automatizado atingido que cai e volta para a posição em pé pelo efeito de um tiro excessivamente forte.

 

4. Um tiro será a marcação como 0 (Zero) se o alvo atirado for atingido e por qualquer motivo não cair permanecendo sobre sua base.

 

......

fonte http://cbtp.org.br/

 

 

O texto acima fala do caso da galinha que ficou "ciscando", segundo o que fala a regra é ponto sim pois ficou fora de sua base totalmente, considerando como base o metal preso ao pé da galinha e que a mantém em pé.

 

D'elite

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Juan Pla    22

Os chumbinhos deverão ser de calibres inferiores aos5.7mm de chumbo ou metal macio similar. Munições tipo esfera ou outras bolasredondas não são permitidas. Veja gabaritos oficiais no sitewww.cbtp.org.br.

 

PQ proibimos o calibre 5,5mm???

 

Segundo a regra, o calibre 5,5 é permitido, pois ele é inferior a 5,7. Mesmo assim, como falou o Eduardo, esses alvos 1/10 são indicados para o 4,5.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
TioIna    6

Pelo exposto, não são indicados por serem mais frágeis (3mm). Mas existem modelos com expessura maior q permitem 5,5 em 1/10.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Falcão    51

Senhores, SM MO é com apoio ou não?

 

A pergunta pode ser ridícula, mas de fato não sei.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Eduardo Mello    221

Falcão se for de sua vontande pode ter apoio emocional, :D desculpe a brincadeira, a posição é em pé sem apoio, para MO e MA.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

esta

Falcão se for de sua vontande pode ter apoio emocional, :D desculpe a brincadeira, a posição é em pé sem apoio, para MO e MA.

 

esses caras estão assistindo muito stand up comedy,,tão uma graça kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Falcão    51

Um mais engraçadinho q o outro... rs

Eu ainda não participei de provas com MO e sei q FT, HFT e BR usam apoio (não só emocional), HFT e FT por algumas vezes são feitos disparos em pé e sem apoio.

 

Coloquei uma luneta na minha HW50 e achei o peso considerável. Imagina se fosse numa HW77!? A carabina deve chegar fácil a quase 5kg. Estou exagerando?

 

Vou treinar para me adaptar ao peso da arma, será até melhor para sustentá-la depois nas provas de MA.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Eduardo Mello    221

No FT e HFT só é permitido apoiar a arma no próprio corpo do atirador, no BR são usados apoios sobre uma plataforma de tiro (mesa), podem ser dois apoios 1 frontal e outro traseiro, mas devem ser separados e não estarem conectados.

 

Nas SM MO e MA a posição é de pé sem apoio, o peso da arma influencia sim, as HW77/97 e TX-200 são bem pesadas, chegam realmente próximo aos 5 kg com lunetas acopladas. Uma luneta de 9x é suficiente para esta modalidade, ajuda a diminuir o peso. Na verdade o atirador que participa de provas tem que fazer o trabalho de casa e estar condicionado ao equipamento.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
amil    30

muito bom esse tópico. pelas regras que eu usei e uso, pode apoiar o braço ou cotovelo que apoia a arma na cintura, tipo posição de carabina olímpica. sei disso pois realizamos o campeonato sul-americano em 2009 e atirei assim, igualmente muitos atiradores da Bolíivia, Paraguai, Argentina, Brasil e um Norte-americano, além dos dirigentes de SM da CBTP. eu tenho uma planilha oficial se quiserem posso escanear e mandar para todos ou para um moderador colocar disponível no fórum. a regra internacional são 40 disparos, conforme o Henrique Coelho expos acima. mais 5 de ensaio antes de iniciar a primeira série (ensaio serão 5 disparos em 2 min, o atirador deve dar um tiro em cada alvo (em cada distância e mais um à sua escolha). tem alvo só para ensaio que fica pendurado em corrente ou suporte (não cai quando leva chumbo). o problema de calibres potentes, como o 5,5 em alguns casos, é danificar os alvos. a preocupação é sempre essa. o 5,5 é usadomais no 1/5.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
EduBacha    276

nunca fiquei sabendo do campeonato sul-americano de 2009 0_o .... ainda não atirava em 2009 hehehe , pelo jeito as provas aqui em CG ano que vem serão divertidas =]

 

pode usar óculos , tipo os usados em Papel 10 m , nessas provas de SM ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bom acredito que sim Edu pos oculos de proteção sempre sao recomendados em qualquer tipo de prova ...

nao sei ao certo mas acho que qualquer outro tipo de oculos tbm ou Nao ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

é foi o que li na cbtp mas ontem participei do estadual e la é misturado e eu nunca tinha visto isso questionei a federação se eu poderia atirar de novo pois ma e mo são categorias como atirei com ma então o mais justo era eu atirar de novo e a resposta foi não só na próxima etapa, decidimos fazer assim na reunião

pois veja se a federação segue norma da cbtp como eles muda a regra por conta deles?

 

sei que fiquei muito pppppppppppppppppppp

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Eduardo Mello    221

Não consegui entender muito, a categoria 1/5 ar comprimido não existe, na CBTP vc vai encontra a modalidade 1/10 Mira aberta somente. Para 1/5 usamos a mesma regra e dobramos as distância das silhuetas 1/10.

 

O que pode haver é todos realizarem suas passagens em mesma pista, ate porque as Silhuetas e distâncias são as mesmas, mas o resultado é separado em MA e MO.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Eduardo Mello    221

Me parece que a CBTP - Confederação Brasileira de Tiro Prático, regulamentou a 1/5 com o nome de Field Ar Comprimido.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora


  • Quem Está Navegando   0 membros estão online

    Nenhum usuário registrado visualizando esta página.

×