Jump to content

ANUNCIANTES

Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada Imagem Postada

TPERETTI666

Moderators
  • Content Count

    1,359
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    38
  • Country

    Brazil

TPERETTI666 last won the day on January 25

TPERETTI666 had the most liked content!

Community Reputation

418 Master Gold

About TPERETTI666

  • Rank
    Atirador Veterano
  • Birthday 06/12/1986
  • Age 32

Profile Information

  • Gender
    Masculino
  • Sua Localidade
    Videira - SC
  • Interesses
    Aprender porque não ocupa espaço.
    Ajudar sempre que possível.
  • Age 32

Recent Profile Visitors

1,870 profile views
  1. Não é o caso de um ser melhor que o outro, há situações em que um se sobressai ao outro e vice-versa... Em carabinas de baixa potência como HW30, HW50, B12 e outras nessa faixa de potência o 4.5 se sai melhor, ou como o caso da CFX que no 5.5 apesar de se manter precisa fica muito fraca. Faço minhas as palavras do Ferrarini, se não bate 20J no 5.5 o 4.5 será a melhor opção.
  2. Coisa fina mesmo @karolaza, agrupando desse tipo recém saída da caixa leva a crer que ela tem potencial. Lembra que falei que estava negociando um cano 4.5 pra minha? Pois não deu certo a negociação... Vou deixar todos os acertos da 4.5 pra tu, acredito que seja até melhor visto que já tem bastante experiência com esse calibre. No mais, ótimo conteúdo como de costume.
  3. No meu entendimento não passa de uma questão de gosto, justamente pelo desempenho das springers como a HW77/97, TX200, ProSport. São springers que depois de acertadas batem de frente com os resultados de uma PCP média e muitas vezes SUPERIOR a uma PCP de entrada nas mesmas distâncias. O que vejo como vantagem nas PCP é o recúo praticamente inexistente, isso pra quem gosta de atirar com luneta não tem preço porque sabemos que não importa o investimento feito no conjunto carabina + luneta, se for springer mais hora menos hora a luneta vai abrir o bico. Não é uma questão de "se" e sim uma questão de "quando"... Outro ponto que podemos salientar também é a praticidade no manuseio das PCP que não exige força como algumas springers de potência média / alta e magnum, assim esposas e filhos (pequenos) que geralmente não tem uma compleição física avantajada também podem participar da brincadeira sem exigir esforço físico e se concentrarem na técnica e nos resultados. O caso springer versus PCP ao meu ver é similar ao caso da mola versus GR, ambos tem pontos positivos e negativos, vai do atirador avalia-los e escolher o que melhor se encaixa nos seus objetivos.
  4. O caso é que o GR que serve na B19 também serve em algumas Gamo, algumas Crosman, na CBC G2... Caso troque de carabina mais pra frente poderia manter o investimento já feito (se a nova escolhida for compatível) e salvar alguns trocados. Fora que um problema no GR (vazamento, empenamento) pode te deixar com a carabina inoperante, tendo a mola isso não aconteceria e dependendo do que acontecer com a mola pode ser facilmente solucionado com ferramentas manuais... Tendo os dois você tem mais opções, podendo escolher a que for mais adequada pro momento / situação. Não, a potência da mola / GR nem sempre está ligada com a precisão. Tu pode ter uma arma fraca e ruim ou uma Magnum potente e precisa, tem muitas variáveis que influenciam nisso inclusive aquela pecinha que puxa o gatilho. E um GR de 45kg (em geral) fica fraco pro 5,5 no caso da BigCat e da B19, poderia ser usado em uma carabina com câmara de compressão maior tipo a SAG talvez... No caso da B19 o ideal é 50kg + pistão original, vai ter exatamente o que tu quer, potência e precisão satisfatórias sem afetar a estrutura da carabina. A B19 tu consegue abrir só com as mãos, na minha eu instalei o GR sem compressor. Dê uma olhada no canal do review da B19 que mandei antes, ali ele faz o mesmo processo que usei e acredite, é muito mais fácil comprimir a mola do que o GR na mão. Como eu citei antes, cada cabeça uma sentença... Não quero que me entenda mal, não tem nada de errado querer pegar uma carabina já com GR de fábrica / loja, vai do gosto, do bolso e da experiência que cada um tem. O que quis expor até agora é que tendo os 2 você tem mais opções, ambos tem pontos positivos e negativos, cabe a você escolher qual tem as características que atendem melhor teu gosto / uso. Abraço!!
  5. Já vi o caso de uma que teve a massa substituída pela do 7022 Way (com fibra) a princípio sem adaptações, a alça de mira acredito que a melhor seria da HW77 pra usar diretamente no bloco da carabina e não mais no barrel band. Mas tendo acesso a algum torno / impressora 3D a imaginação e o bolso serão o limite...
  6. O que quis dizer é que é mesma situação, fora o GR que não tem peso especificado o processo de tuning da B19 exige modificação no guia de mola traseiro original, assim como na BigCat. E compensa mais porque o guia da B19 é (ou era, não sei como estão essas novas) de metal, o da BigCat por ser de plástico tu ainda consegue colar se teve que cortar como no tópico do @Alberto José, o da B19 se bater pra tirar o pino central ele deforma, daí já era o guia... Só comprando outro no caso dela. Mais uma coisa interessante é que ao contrário dos kits pra BigCat, 99.8% dos kits pra B19 já vem com o guia substituto, ideal pra centralizar o GR. Bom, daí cada cabeça uma sentença... Eu não compraria nem que fosse metade do preço, nem pela estética mas devido a ergonomia dessa coronha que pra mim não funciona. E já que antes tu citou a Venture, dê uma olhada: https://www.ventureshop.com.br/carabina-de-pressao-cbc-b19x-oxidada-madeira-5-5mm-p41264/ Em comparação com as outras opções sai R$50 mais caro no parcelado mas R$40 a menos a vista. E se ainda assim preferir alguma coisa já meio pronta, teria essa: https://www.ventureshop.com.br/carabina-de-pressao-bam-b19z-5-5mm-swbr-com-gas-ram-p41900/ Mas minha opinião a respeito dessa coronha tu já sabe...
  7. Cai no mesmo caso de pegar a BigCat na mola ou IGT, logo, teremos a mesma reflexão de caso... A meu ver, mola compensa mais, ainda mais no caso da B19. O caso da B19Z não é a estética, é que esse tipo de coronha é uma M**** bem grande. Foi justamente o que me chamou a atenção e me levou a comprar a B19-17, e depois combinado com a potência que consegui extrair dela o motivo de ter vendido. E só pra reforço depois ainda tive a HW100 com esse mesmo tipo de coronha, não é legal porque limita os movimentos, a impressão que se tem é como se estivesse "engessado"... Particularmente não terei mais esse tipo de coronha em nenhuma carabina do meu acervo. Agora já era, aquilo era preço de Black Friday, essas dos links que mandei estão nos preços normais (aceitáveis). Lembre que se for parcelar aquela do M.L vai sair muito mais caro que os 880 e que em nosso amado país quanto maior a demanda (que é o caso do 5.5) maior o preço também.
  8. EU vejo mais como uma opção de escolha do que uma vantagem, apesar de R$100 a mais ser um bom preço por um GR já instalado... A questão do IGT é justamente não saber-mos qual a "quilagem" dele, o que sabemos é que normalmente ocorre do fabricante usar molas muito fortes, que no caso da BigCat a médio / longo prazo vai causar problemas no bloco. Pegando na mola tu consegue resolver o problema da vibração com uma camisa de mola até juntar a verba necessária pra um GR a sua escolha e ainda tem todas as peças pra voltar ela pra standart caso deseje / precise... É o correto de fato, espere o melhor e prepare-se pro pior. Se sua dúvida era essa o 4.5 atende esse tipo de atividade sim. Mais uma decisão acertada, se ainda considerar alguma Norica recomendo a Storm e a Marvic, a segunda acredito que seria mais adequada ao seu caso que prefere carabinas mais leves. É um doce de carabina e tem o gatilho bom deles, aquele que a SAG se "inspirou"... Ainda sobre desempenho devo lembrar que nenhuma carabina vem pronta de fábrica, todas necessitam de ajustes pra render 100% do que podem. Tanto a BigCat como a B19 estão incluídas nisso no quesito gatilho, a diferença das 4 que citei até agora é a facilidade e custo com que se faz isso... Tem opções para todos os gostos e bolsos. Quanto ao seu orçamento, aqui está a resposta, ambas abaixo dos R$1000 no parcelado: Opção 1 (a que eu iria): https://www.mundodacarabina.com.br/carabina-de-pressao-cbc-classic-b19-14-calibre-5-5-mm Opção 2 (mais cara): https://www.dispropil.com.br/carabina-de-pressao-cbc-b19-x-5-5mm/p Quanto a precisão, aqui tem alguma coisa: http://carabinasdear.com.br/caforum/index.php?/topic/10769-review-cbc-b19-14-55-mm/ Fora isso, o que posso dizer é que na grande maioria dos casos a precisão se equivale em ambos calibres, desde que respeitado a preferência da carabina afinal de contas quem escolhe o chumbo é ela. Sim, por isso mesmo recomendei a B19, pela mecânica muito similar a que você já tinha escolhido, pela versatilidade e pelas quase infinitas opções de tuning. A questão da potência A MEU GOSTO ela não atende 100% (tanto que parti pras magnum e depois PCP) mas como você quer justamente um meio termo adequado, pela experiencia que já tive com elas acredito que vai ter algo satisfatório em situações reais e hipotéticas (). Abraço!!
  9. Depois de ler tudo o que já conversado até agora, vamos lá: Tu diz ser adapto do Sobrevivencialismo, logo deve primar pela AUTO SUFICIÊNCIA não é mesmo? Então pegar a carabina "standart" na mola é a melhor opção pois além de salvar uns trocados do orçamento (que já tem teto máximo delimitado) tu ainda pode costumisa-la como bem entender futuramente quando o orçamento te permitir e ainda aprende a dar a manutenção necessária nela sem depender de ninguém além de você e suas ferramentas. Pelo bloco de polímero acredito que realmente os 40kg de GR vão te atender muito bem, desde que você se mantenha no 4.5 ela vai desenvolver uma potência legal. Nesse tipo de bloco EU não colocaria nada mais que 45kg, que na minha opinião é o limite pra não comprometer a estrutura da carabina. Ferramenta com qual função? Se for mais específico fica mais fácil te dar a resposta correta... Seria pra coisas que não podem ser relatadas nesse fórum? No caso da BigCat eu não recomendaria isso pois o 5.5 precisa de um GR mais pesado pra desenvolver uma potência legal devido aos chumbos serem mais pesados, e isso vai afetar o bloco de polímero. Já usei uma BigCat 5.5 com GR de 45kg, uma delícia pra brincar, atira o dia todo sem cansar mas dizer que ela era potente está longe de ser verdade... Se pretende algo no 5.5 eu te recomendaria uma das recém "ressuscitadas" B19, tem a mecânica bem similar a BigCat, e vão aceitar um GR de 50kg sem nenhum problema pelo bloco ser de aço. Inclusive o bloco aguentaria até mais que isso, o que abre o bico daí é a coronha... Como eu sei disso? Já testei e vi o que acontece, tem mais informações na minha assinatura com o tópico da minha ex B19-17. Não é o caso, já vi carabinas 4.5 que não valem o que o gato enterra e carabinas 5.5 muito boas, a questão no caso da BigCat é que ela não tem estrutura pra usar um GR mais forte, como o chumbo 5.5 é mais pesado se você usar um GR / mola mais fraco ele vai ficar com uma parábola muito grande. Isso vai te dificultar bastante nos tiros mais longos, além de que não vai chegar lá no alvo com uma potência legal. Por isso pra carabinas que não conseguem desenvolver potência o 4.5 é mais apropriado. Lembre que a energia não depende do calibre, logo, pouco importa o tamanho do tarugo de chumbo que vai voar... Importa o peso dele e a que velocidade vai conseguir lançar, e se vai acertar onde tu queria... No caso de manter a escolha na BigCat, no meu entendimento, não vejo vantagem nenhuma no 5.5 pelos motivos que já citei acima. Se prefere 5.5 uma carabina de estrutura mais forte / robusta seria uma escolha mais adequada pra conseguir aproveitar melhor as características do calibre.
  10. Agradeço as palavras @karolaza, o tópico anda parado porque tenho passado por momentos difíceis e não estava mais mexendo na carabina... Agora ando com um pouco mais de ânimo e pretendo dar andamento ao tópico. Tenho relatos de experiências e modificações já feitas nos 2 calibres, inclusive pretendo adquirir um cano em 4,5 também. Tenho em mãos uma reguladora Huma pra ser instalada e em breve vai começar a trabalhar... Logo logo isso aqui volta a se movimentar
  11. O polimento da culatra resolve, fique atento se o ferrolho não está desrosqueando do probe também.
  12. O @Eduardo Macedo conseguiu as medidas, muito obrigado chefe
  13. Boa tarde Srs Preciso de uma ajuda: Alguém de posse de uma HW77 poderia fazer o favor de me informar as medidas dela? Se não for muito abuso, fotos das medidas com um paquímetro seriam o ideal... Caso não seja possível somente os dados já me ajudam imensamente. Muito obrigado por enquanto
  14. Melhora um pouco mas não muito, até não botar o GR encamise a mola com RX ou PET que já dá uma boa amansada nela, Pro 5.5 pode usar 50kg que tá ótimo, não vai dar tanta diferença do 55kg em potência A minha era a 135 mas o caso é que se o atirador fizer a parte dele os grupos saem sim, só precisa de treino e chumbo correto. EDIT: Antes que eu me esqueça novamente: um mount com stop pin é essencial pra springer, mesmo que tenha uma boa superfície de aperto e parafusos bons. Verifique também sua bucha, se ela estiver desgastada além de perder potência o pistão vai bater seco no fundo da câmara porque não se forma um colchão de ar apropriado pra amortecer a batida no fim de curso.
×
×
  • Create New...